quinta-feira, 17 de junho de 2010

MICOSES

Micose é o nome dado a doenças causadas por fungos. Existem mais de 230 mil tipos de fungos, mas apenas 100 causam micose. Como eles estão em todo parte, praticamente todas os pessoas ficam expostos a eles. Quando encontram condições favoráveis, como umidade e calor excessivos, os fungos se reproduzem e podem desencadear a infecção.

Nas MICOSES SUPERFICIAIS, os fungos ficam no camada externa da pele, ao redor de pelos ou nas unhas, alimentando-se de uma proteína chamado queratina.

Cerca de 30% da população mundial tem problemas causados por micoses superficiais. Nas MICOSES PROFUNDAS, os fungos disseminam-se através da circulação sangüínea e linfático. Podem infectar a pele e órgãos internos, como pulmões, intestinos, ossos ou sistema nervoso.


Micose dos Pés

* INTERDIGITAL, PÉ-DE-ATLETA OU FRIEIRA: atinge a pele entre os dedos, provocando coceira, descamação, fissuras e placas esbranquiçadas. Pode vir acompanhada por uma infecção bacteriana.

* ESCAMOSA: atinge a região do planta e do lateral do pé. Causa descamação, coceira e mau cheiro.

* VESICULOSA OU DISIDROSIFORME: começa com bolhas que provocam coceira e vermelhidão, resultando em ressecamento e descamação da pele.

* PLACA: lesões avermelhadas e elevadas com bordas acentuadas.

Cuidados: seque bem os pes após o banho; prefira meias de algodão, trocando-as diariamente; evite sapatos fechados e andar descalço em pisos úmidos.


Micose do Corpo

* Atinge o tronco e os membros. As lesões são avermelhadas e arredondadas, coçam e podem descamar. A cura se inicio pelo centro da lesão, formando um anel.

Cuidados: seque bem a corpo; evite calor nas áreas afetadas; prefira roupas largas e ventiladas; não use toalhas de outras pessoas.


Micose Inguinal

* Manifesta-se na virilha, ao redor dos órgãos genitais e do ânus, com lesões escamosas, bordas acentuados e coceira. É mais comum nos homens e em clima quente.

Cuidados: evite roupas íntimas apertadas e de material sintético e banho demorado; não use toalhas e roupas intimas de outras pessoas; mantenha a pele seca e limpa.


Micose das Mãos

* As palmas descamam e ficam grossas. Atinge com mais freqüência pessoas que lidam muito com água.

Cuidados: use luvas; se for lidar com água, seque bem as mãos; evite detergente e sabonete perfumados; não use toalhas de outros pessoas.


Micose do Couro Cabeludo

* É mais comum em crianças. Atinge basicamente o couro cabeludo, mas pode se alastrar para as sobrancelhas, cílios e pálpebras.

Cuidados: lave regularmente os cabelos, em água morna, com um bom xampu; não use toalha e pente de outras pessoas.


Pitiríase Versicolor

* Provoca manchas esbranquiçadas, especialmente nas costas e no peito, e pode se alastrar para os membros.

Cuidados: seque bem o corpo após o banho; não use toalhas e roupas de outros pessoas.


Como se Pega ?

* Os fungos podem ser encontrados no chão, em animais e no próprio homem. O cantato com os fungos é inevitável e a transmissão se dá de várias formas.

Evite
* Andar descalço em pisos úmidos ou públicos.
* Uso de toalhas comuns ou mal lavados.
* Lava-pés de piscinas e saunas
* Equipamentos de uso comum (botas, luvas).
* Uso de roupas e calçados de outras pessoas
* Uso de alicates de cutículas, tesouras e lixos não esterilizados


Tratamento

Existem medicamentos rápidos e eficazes para o tratamento dos micoses. A automedicação, geralmente com produtos inadequadas, dificulta o tratamento.

Siga corretamente a prescrição do seu dermatologista e tome os cuidados parar evitar a reinfecção.

Dra Maura Simões Bressan
Dermatologista e médica do Serviço de Dermatologia da Unicamp. Formada em medicina pela PUC - Campinas com especialização em Dermatologia na Unicamp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.