domingo, 9 de maio de 2010

Como se formam os vulcões?



Veja o infográfico no seguinte endereço : http://zerohora.clicrbs.com.br/zerohora/jsp/default.jsp?uf=1&local=1&section=Mundo&newsID=a2898443.xml



Vulcões são aberturas em montanhas presentes na superfície da Terra que expelem gases, fogo e lava. Os vulcões surgem quando as chamadas placas tectônicas - que fazem parte da crosta terrestre - se chocam movimentando o material presente sobre elas e deixando aberturas para camadas mais profundas do planeta. Por essas aberturas pode sair o magma presente entre a crosta e a manta - camada média da Terra.
Segundo o Professor Doutor Gaston Eduardo Enrich Rojas, do departamento de mineralogia e geotectônica da Universidade de São Paulo, para entendermos a formação dos vulcões precisamos também conhecer a formação do magma. Quanto mais próximo ao interior do nosso planeta, maior é a temperatura e a pressão do local. Entre a crosta e a manta, as rochas podem entrar em fusão e formar um líquido, o magma.
"Esse magma sobe devido a diferença de densidade. Ao subir podem acontecer duas coisas: o magma pode chegar até a superfície, tornando-se um vulcão e expelindo lava; ou pode ficar alojado em algum lugar. O granito é um exemplo de magma que não foi expelido e se cristalizou em profundidade", explica. 
A erupção vulcânica é um fenômeno da natureza, geralmente associado à extravasação do magma de regiões profundas da Terra na superfície do planeta. As camadas de rochas formadas por erupções magmáticas são chamadas de "derrames", pois a rocha se espalha e solidifica-se na superfície do globo. A lava arrefecida gera normalmente um óptimo solo para plantação.
De acordo com o especialista, a erupção do vulcão pode ser explosiva ou em derrame, dependendo da quantidade de sílica e gases na lava. A sua natureza explosiva deve-se ao conteúdo rico em sílica do magma, que aumenta a viscosidade e portanto o potencial de sua explosão. Se menos viscoso, ele é mais fluido e portanto, vai derramar.
A temperatura desse magma é de 1200°C (aproximadamente) e a velocidade que ele pode percorrer depois de sair do vulcão é de até 80 km/h.
Existem cinco tipos de vulcões e a morfologia deles varia de acordo com o seu histórico, que pode ser de até 10 mil anos. São eles:
- Estratovulcões - vulcões com muita atividade;
- Vulcão-escudo - vulcões muito quentes e que expelem lavas em grande quantidade); - Vulcão Cones de escórias - são menores vulcões que existem e que expelem lava em pouca quantidade;
- Vulcão Caldeiras ressurgentes - os maiores vulcões que existem com o tamanho relativo a 15 e 100 km²;
- Vulcões submarinos - vulcões que ficam embaixo da água. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.